Notícias

Cuidadora é condenada em SC por submeter idoso a condições degradantes que resultaram em morte

A denúncia relata que a vítima foi privada de alimentos e dos cuidados essenciais

Cuidadora é condenada em SC por submeter idoso a condições degradantes que resultaram em morte
Foto: Imagem ilustrativa

A Vara Criminal da comarca de Caçador, localizada no Meio-Oeste catarinense, proferiu uma sentença condenatória contra uma mulher acusada de submeter um homem de 64 anos a condições degradantes que culminaram em sua morte. A cuidadora, que recebia a aposentadoria do idoso para prestar os devidos cuidados, foi sentenciada a seis anos e cinco meses de reclusão em regime semiaberto.

A denúncia relata que a vítima foi privada de alimentos e dos cuidados essenciais, resultando em graves lesões que o levaram a um estado grave e desnutrido. O homem apresentava escaras necrosadas pelo corpo, exposição óssea nos calcanhares, dorso dos pés e tornozelos, além de estar desidratado. Devido à fragilidade de sua saúde e à falta de cuidados adequados, o idoso faleceu por infarto, conforme explicado pelo médico que o atendeu em juízo, destacando que as feridas poderiam ter afetado o coração.

O estado precário de higiene do homem, evidenciado por piolhos e unhas compridas, bem como as péssimas condições sanitárias da residência, confirmadas pela perícia, são elementos que corroboram a exposição do idoso a condições degradantes. O homem, cadeirante, viúvo e sem filhos, vivia em situação de abandono sob os cuidados da acusada.

A cuidadora só buscou socorro médico quando acreditou que o idoso estava morto. Ele veio a falecer com pouco mais de 40 quilos, dois dias após ser internado em um hospital da cidade. A sentença destaca que a mulher, responsável pelos cuidados do idoso, continuou recebendo os rendimentos dele mesmo após a sua morte, segundo indícios apresentados no processo.

A magistrada sentenciante ressalta que a acusada expôs a integridade e a saúde da vítima ao submetê-lo a condições desumanas e degradantes, privando-o de alimentos e cuidados essenciais, configurando o crime previsto no art. 99 do Estatuto do Idoso. A decisão ainda pode ser objeto de recurso ao Tribunal de Justiça.

ClicRDC

----------------------
Receba GRATUITAMENTE nossas NOTÍCIAS! CLIQUE AQUI
----------------------

Envie sua sugestão de conteúdo para a redação:
Whatsapp Business PORTAL TRI NOTÍCIAS (49) 9.8428-4536 / (49) 3644-4443

Cotações

Dólar Americano/Real Brasileiro

R$ 4,93

Dólar Americano/Real Brasileiro Turismo

R$ 5,11

Dólar Canadense/Real Brasileiro

R$ 3,65

Libra Esterlina/Real Brasileiro

R$ 6,27

Peso Argentino/Real Brasileiro

R$ 0,01

Bitcoin/Real Brasileiro

R$ 283.038,00

Litecoin/Real Brasileiro

R$ 370,85

Euro/Real Brasileiro

R$ 5,35

Clima

Terça
Máxima 27º - Mínima 21º
Céu nublado com aguaceiros e tempestades

Quarta
Máxima 30º - Mínima 20º
Períodos nublados com aguaceiros e tempestades

Quinta
Máxima 29º - Mínima 20º
Céu nublado com aguaceiros e tempestades

Sexta
Máxima 29º - Mínima 20º
Céu nublado com aguaceiros e tempestades

Sábado
Máxima 30º - Mínima 19º
Períodos nublados

Sobre os cookies: usamos cookies para personalizar anúncios e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.